Pesquisar

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Justiça decreta indisponibilidade de bens de ex-prefeito e ex-primeira-dama de Alto Piquiri

A Justiça decretou a indisponibilidade de bens do ex-prefeito de Alto Piquiri (a 194 quilômetros de Maringá) da gestão 2009/2012, da ex-secretária de administração e ex-primeira-dama do município, do ex-secretário de obras, de servidores, de um empresário e de uma oficina auto-elétrica, no valor total de até R$ 61.625,50. A decisão foi proferida em ação civil pública por ato de improbidade administrativa ajuizada pela Promotoria de Justiça de Alto Piquiri, e foi divulgada pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) na segunda-feira (27).
A ação foi proposta com base em um inquérito civil conduzido pelo Ministério Público na comarca, após denúncia feita pelo prefeito atual de Alto Piquiri (gestão 2013 a 2016), que apontou irregularidades em licitação aberta em 2012, para aquisição de materiais e serviços elétricos. A Promotoria aponta favorecimento de uma auto-elétrica da cidade, que teria sido beneficiada para consertar a frota de veículos que se encontrava em estado de sucateamento, apesar dos constantes gastos com auto-peças.
Segundo o promotor de Justiça Rafael Januário Rocha, há indícios de que a licitação nº 21/2012 foi feita desnecessariamente, com o propósito de permitir que terceiros se apropriassem de recursos públicos, mediante a simulação de entrega de peças e serviços auto-elétricos para a frota municipal.
A Promotoria sustenta que o esquema seria gerenciado pelo ex-prefeito e pela ex-secretária de administração, com a participação de servidores do setor de veículos da prefeitura, que tinham livre acesso a oficinas e fornecedores de peças e serviços automotivos. De acordo com as investigações, os proprietários da auto-elétrica forneciam notas fiscais que viabilizavam os empenhos de pagamento por serviços e peças que nunca foram prestados. Duas servidoras realizavam então os pagamentos em nome da prefeitura, omitindo-se de averiguar o atendimento das regras básicas acerca de despesas públicas, deixando de exigir a documentação comprobatória da entrega do serviço, bem como da assinatura do contador, do tesoureiro e do ordenador de despesa.
"A licitação foi feita com alguns vícios de legalidade, tal como juntada de orçamentos falsos e ausência de publicação dos editais e atos oficiais, impedindo que houvesse concorrência no certame", sustenta o promotor de Justiça, em trecho da ação inicial. "Os veículos destinatários das referidas peças encontravam-se inutilizados, em completo estado de sucateamento, mas, mesmo assim, foram objetos de licitação para a troca de algumas peças elétricas que não nunca foram instaladas ou fornecidas", acrescenta.
O Diario

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Caminhão perde o controle a capota na PR090 próximo a São Jerônimo da Serra


Na tarde desta segunda feira (27), aproximadamente as 15:00 horas, um caminhão com placa de Nova Santa Barbara, conduzido pelo Srº Vagner, cabotou na PR090 próximo a São Jerônimo da Serra.

De acordo com as informações, o caminhão estava indo para Sapopema onde iria buscar tijolo para um deposito de material de construção de Nova Santa Barbara, o motorista não sabe o que aconteceu, vindo perder o controle, subindo no barranco e tombando logo em seguida.

Estavam no caminhão três pessoas, entre elas uma criança de 09 anos, as vitimas desse acidente foi socorrida pela equipe do SAMU e encaminhada para o Hospital Municipal de São Jerônimo da Serra com pequenas escoriações.

Gleisi inicia pré-campanha no PR em busca de aliados

Prestes a deixar a Casa Civil, a ministra Gleisi Hoffmann começou neste mês a traçar as primeiras estratégias para a sua pré-campanha ao governo do Paraná. Em férias desde o dia 13, a petista assumiu enfim o papel de candidata - ainda que não admita isso publicamente. Gleisi deverá ser a principal rival do governador Beto Richa (PSDB), que tentará a sua reeleição.

Ainda não há definição sobre quais serão os temas prioritários da campanha, mas ela deverá atacar a situação financeira do governo de Beto Richa, que deve R$ 1,1 bilhão a fornecedores.

Gleisi tem se reunido com a "linha de frente" do PT e já tem viagens agendadas pelo Estado em fevereiro. Em paralelo, a petista irá reassumir sua vaga no Senado assim que deixar a Casa Civil.

A prioridade do momento é garantir o apoio de aliados. A ideia é que, até março, todos os partidos da base do governo Dilma Rousseff sejam sondados sobre a possibilidade de coligação no Paraná. À frente dessa negociação estão o marido de Gleisi, o ministro Paulo Bernardo (Comunicações), o presidente do PT do Paraná, Ênio Verri, e o deputado federal André Vargas.

Uma das principais preocupações é garantir o apoio do PMDB, ou ao menos que o partido lance candidato próprio, para forçar um segundo turno contra Richa.

Pleiteiam a candidatura o senador Roberto Requião e o ex-governador Orlando Pessuti, embora parte dos peemedebistas defenda aliança com Richa. O PT acena com o cargo de vice ao PMDB.

Já o deputado federal Zeca Dirceu, filho do ex-ministro José Dirceu, terá o papel de arregimentar o apoio de prefeitos. Ele se reuniu no ano passado com os prefeitos petistas e começou nesta semana a conversar com os de grandes e médias cidades. Na prática, ressaltará as parcerias atuais e futuras do Planalto com municípios.

Gleisi pretende visitar a maioria das 399 cidades do Paraná até junho. Ela vem abrindo diálogo desde 2013 com entidades produtivas e a sociedade civil paranaense. O posto de coordenador de marketing da campanha deverá ficar com o publicitário Oliveiros Marques, que trabalhou com a petista quando ela concorreu ao Senado, em 2010, e a acompanhou em eventos não oficiais em 2013.


Estelita Hass Carazzai
Folhapress

domingo, 26 de janeiro de 2014

Prêmio de loteria não recolhido pode beneficiar a saúde

Os recursos de prêmios não reclamados das loterias federais administradas pela Caixa Econômica Federal podem sair do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para integrar o Fundo Nacional de Saúde (FNS). Essa é a proposta contida no Projeto de Lei do Senado (PLS) 313/2011, de autoria do senador Paulo Davim (PV-RN). 

O texto está pronto para ser votado na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), na forma de um substitutivo oriundo da Comissão de Assuntos Sociais (CAS), que tem parecer favorável da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). De acordo com a lei em vigor, os prêmios da loteria prescrevem em 90 dias se não forem procurados por seus ganhadores. 

O projeto de Davim altera a Lei 10.260/2001, que regulamenta o Fies e estabelece que 30% da renda líquida das loterias administradas pela Caixa constituem receitas daquele fundo, assim como os prêmios não reclamados dentro do prazo. A proposta retira do Fies apenas o dinheiro dos prêmios não reclamados. 

Ao examinar o projeto, a CAS optou por um substitutivo que preserva o mérito, mas muda outras leis. A comissão decidiu que, além da lei do Fies, devem ser alterados o Decreto-Lei 204/1967, que disciplina a exploração das loterias; a Lei 8.080/1990, que regulamenta os serviços de saúde; e a Lei 9.615/1998, conhecida como Lei Pelé. 

Relatora da matéria na CE, a senadora Vanessa Grazziotin afirma que a iniciativa de Paulo Davim tem o mérito de buscar ampliar os recursos à disposição do Sistema Único de Saúde (SUS), com vistas a garantir o direito da população a esse serviço básico. 

Ela também sublinha que, ao destinar o dinheiro dos prêmios não reclamados para o FNS, o texto tem o cuidado de manter para o Fies a destinação de 30% da renda líquida das loterias da Caixa, reconhecendo a relevância social do financiamento estudantil. 

Vanessa observa ainda que a nova distribuição dos recursos dos prêmios não reclamados visa apenas a contemplar outra área de fundamental importância para o brasileiro. Depois de votado na CE, o projeto ainda irá ao exame da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), à qual caberá a decisão em caráter terminativo.
Agência Câmara

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Ainda sem consenso, piso de agentes de saúde pode ser votado em 2014

Apesar da falta de consenso, a votação do piso nacional para os agentes comunitários de saúde (Projeto de Lei 7495/06) é uma das prioridades da Câmara dos Deputados para 2014. O assunto poderá voltar à pauta do Plenário em março, segundo previsão feita no ano passado pelo presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves. 

Atualmente, a categoria recebe uma parte dos R$ 950 repassados aos municípios pelo governo federal. Um texto aprovado pela comissão especial que analisou o projeto prevê um aumento progressivo do piso, até chegar a dois salários mínimos em 2015. 

A agente comunitária de saúde Ruth Brilhante de Souza afirma que, em alguns municípios, o valor repassado ao agente é inferior a um salário mínimo. "Não temos definição do salário do agente comunitário de saúde. Cada município paga o que define. Se o governo manda R$ 950, o município faz sua parte burocrática e define o que vai para os agentes comunitários de saúde, o que, às vezes, não chega a um salário mínimo". 

Impasse 

No último mês de outubro, um embate sobre o piso dos agentes de saúde durou cerca de quatro horas no Plenário, e a proposta não foi votada. O governo queria adiar a votação do projeto e tentar elaborar um texto de consenso, mas alguns partidos da base e da oposição insistiam em votar o projeto. 

A presidente da República, Dilma Rousseff, se diz preocupada com o aumento do piso, que, segundo ela, está em desacordo com o que o governo pode custear. O líder do governo na Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), já chegou a declarar que o projeto será vetado pela presidente caso seja aprovado como está, ou seja, dois salários mínimos até o ano que vem. 

Tentativa de acordo 

Para o líder do PT, deputado José Guimarães (CE), ainda há chance de se chegar a um valor que preserve os interesses tanto do governo quanto da categoria. "Nós precisamos dialogar com eles que também fazem a saúde pública no Brasil. Não pode fazer de conta que o problema não existe. Ele existe, é real e nós temos que buscar uma solução". 

Em reunião no início de dezembro com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, o presidente da Câmara negociou o adiamento da votação do piso nacional dos agentes de saúde para 2014, caso o governo retirasse a urgência de projetos que trancavam a pauta do Plenário. Segundo ele, já há acordo para votação da proposta no próximo mês de março. 

Atualmente, o País conta com mais de 300 mil agentes comunitários de saúde, responsáveis pela visita mensal a 65% dos domicílios, o equivalente a 125 milhões de habitantes. Entre as ações desses profissionais estão o acompanhamento de gestantes, o incentivo ao aleitamento materno, o controle de doenças como infecção respiratória aguda e a promoção das ações de saneamento e melhoria do meio ambiente.
Agência Câmara

Prefeito Adir Leite confirma TELESAÚDE para São Jerônimo da Serra


Nesta sexta-feira, 24/01, Prefeito Adir Leite, confirmou com o Secretário Estadual de Saúde, Michele Caputo, o Telessaúde para São Jeronimo da Serra.

SOBRE O TELESSAÚDE - 

O Telessaúde é uma das estratégias integrantes da Política Nacional de Educação Permanente do Sistema Único de Saúde (SUS). O Programa Nacional Telessaúde Brasil Redes (Telessaúde Brasil Redes) é composto por uma rede que interliga gestores de saúde, instituições formadoras e serviços de saúde. 
O Telessaúde Redes Paraná faz parte desse programa e objetiva melhorar a resolutividade da Atenção Básica tendo como ações a teleconsultoria de apoio e a educação permanente.

Atividades e fluxos:
1. Teleconsultoria assíncrona que são os atendimentos off-line. A equipe reguladora que conta com um enfermeiro, um médico e um odontólogo receberá essas teleconsultorias e a devolutiva será feita em um período de 48 a 72 horas.
2. Teleconsultoria síncrona: será realizada em tempo real. A equipe encaminhará ao plantão do Núcleo Técnico Científico a teleconsultoria e obterá resposta imediata. Nesse primeiro ano serão implantadas nas áreas de cardiologia e neurologia.
3. Telediagnóstico: nesse primeiro ano será na rede de urgência/emergência e materno-infantil.
4. Segunda opinião formativa: o Núcleo as preparará de acordo com a demanda atendida e necessidades identificadas pelas equipes.
5. Educação Permanente: de acordo com as necessidades identificadas e com o Plano de Educação Permanente do estado aprovado na CIB.
6. Monitoramento e avaliação: será elaborado um sistema quantitativo e qualitativo. 

Desenvolvimento e execução:
• 1ª etapa - Implantação dos 4 Núcleos Técnico-Científicos nos municípios sedes das quatro macrorregiões do estado do Paraná: Curitiba, Cascavel, Maringá e Londrina;
• 2ª etapa - desenvolvimento das atividades de teleconsultoria, segunda opinião formativa e educação permanente para 252 municípios com conectividade;
• 3ª etapa - desenvolvimento do telediagnóstico .

Instituições envolvidas:

• Secretaria de Estado da Saúde do Paraná - SESA/PR 
1. Escola de Saúde Pública do Paraná – ESP-PR 
2. Superintendência de Políticas e Atenção Primária à Saúde
3. Diretoria Geral
4. Superintendência de Vigilância em Saúde
5. Superintendência de Gestão de Sistema

• Universidade Federal do Paraná – UFPR

• Hospital de Clínicas da UFPR

• Universidades Estaduais do Paraná:
1. Universidade Estadual de Londrina
2. Universidade Estadual de Maringá
3. Universidade Estadual de Cascavel
4. Universidade Estadual de Ponta Grossa

• Hospitais Universitários do Paraná/Núcleos RUTE de Londrina, Maringá e Cascavel 
• Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Paraná - COSEMS/PR

• Conselho Estadual de Saúde – CES-PR.

Unidade Gestora: ESPP/CFRH-SESA/PR

Blog do Chaguinha

Governo anuncia conjunto de ações para melhorar saúde no norte pioneiro


saO secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, esteve em Cornélio Procópio nesta sexta-feira (24) e anunciou um conjunto de ações para qualificar a rede pública de saúde na região do norte pioneiro. São investimentos em hospitais, centros de especialidades e unidades de saúde. O secretário também entregou aos municípios equipamentos para implantação do programa Telessaúde e veículos de apoio à área de vigilância em saúde.

"Por muito tempo esta região foi negligenciada na área da saúde e esses novos investimentos vêm suprir uma demanda importante de leitos de UTI, consultas e exames especializados e atendimento básico de saúde", destacou o secretário.

Caputo Neto informou que a obra dos dez leitos de UTI adulto da Santa Casa de Bandeirantes está em fase final de conclusão. A previsão é que a nova ala seja inaugurada ainda neste primeiro trimestre. O Governo do Estado investiu cerca de R$ 500 mil na obra e ainda garantiu os equipamentos da unidade.

ESPECIALIDADES – Na área de consultas e exames especializados, a região também contará com novos serviços. O Centro de Especialidades do Paraná da região de Cornélio Procópio está sendo ampliado e ganhará um novo setor de imagem. O Estado repassará R$ 500 mil para aquisição dos equipamentos.

"Oferecemos consultas e exames em mais de 20 especialidades, atendendo a demanda de 21 municípios da região. Com o novo espaço, teremos estruturas e equipamentos mais modernos, levando serviços cada vez melhores a nossa população", afirmou o prefeito de Congonhinhas e presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Norte do Paraná, José Olegário Ribeiro Lopes.

APOIO – O atendimento básico na região de Cornélio Procópio também está sendo reforçado. O governo estadual investe na construção de 10 novas unidades de saúde e reforma de mais uma. As unidades serão entregues com todos os equipamentos necessários para começar a funcionar.

Nesta sexta-feira, em encontro com prefeitos e autoridades regionais, o secretário da Saúde reafirmou o compromisso de apoio aos municípios. Ele entregou equipamentos para a implantação do programa Telessaúde em 20 dos 21 municípios que compõem a 18ª Regional de Saúde.

O programa oferece serviço de consultoria técnica ou segunda opinião aos profissionais que atuam nas unidades básicas de saúde. Com isso, médicos, dentistas, enfermeiros e outros profissionais podem discutir casos clínicos com especialistas da Universidade Estadual de Londrina.

Caputo Neto aproveitou a visita à sede da 18ª RS e recepcionou os sete novos servidores que começaram a trabalhar na regional no inicio deste ano. "Nossa força de trabalho é uma das melhores do país e é sempre muito importante haver essa renovação".

VIGIASUS – Também foram entregues 18 veículos adquiridos com recursos do programa VigiaSUS, de qualificação da vigilância em saúde. Em 2013, os 21 municípios da região receberam R$ 1,3 milhão para custeio das atividades e investimentos.

Participaram da solenidade, o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Economia Solidária e deputado estadual, Luiz Cláudio Romanelli, o deputado estadual Pedro Lupion, prefeitos, vereadores e demais autoridades da região de Cornélio Procópio.

SESAPR

SEU DIREITO QUEDA DE ENERGIA ELÉTRICA


Que providências devem ser tomadas se um eletrodomésticos for danificado? 

Em casos de eletrodomésticos e eletroeletrônicos danificados em função da queda de energia elétrica, o consumidor deve entrar em contato com concessionária que presta serviço em sua cidade e solicitar o ressarcimento. 

De acordo com a Resolução 360/2009 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o consumidor deve registrar o fato, no prazo de até 90 dias, junto aos canais de atendimento da empresa (internet, telefone, pessoalmente, etc), especificando quais os equipamentos foram danificados. A concessionária deverá abrir processo específico de indenização. 

A prestadora terá 10 dias corridos para inspecionar o equipamento danificado (um dia para equipamento utilizado para acondicionamento de alimentos perecíveis ou medicamentos); 15 dias para apresentar, por escrito, resposta ao pedido; e 20 dias para providenciar o ressarcimento. A empresa deve informar ao consumidor a data e o horário aproximado da inspeção ou disponibilização do equipamento. Caso não ocorra essa vistoria, o prazo para resposta será de 15 dias contados da data da solicitação do ressarcimento. 

O consumidor não deve reparar o equipamento danificado, salvo nos casos em que houver autorização prévia e formal da concessionária, bem como impedir ou dificultar sua inspeção pois poderá perder o direito à indenização. 

Fundação Procon-SP

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Requião quer disputa com Dilma

Que governo do Paraná, o projeto político do senador Roberto Requião (PMDB-PR) é mais alto. Pela segunda vez vai disputar a convenção do PMDB e a indicação para ser o candidato à presidência nas eleições de outubro. Para Denise Rothemburg, do Correio Braziliense, Requião diz que fica "envergonhado ao ver o país com esses problemas econômicos todos e o partido discutindo carguinho. As reuniões deveriam ser para debater a política econômica. O país precisa de um freio de arrumação. A convenção não pode ser para pedir emprego para Dilma ou para quem quer que seja. Tem que discutir o Brasil, a sua economia”.
 
"Em tempo: Requião, embora seja minoria no partido, pode ajudar a dar consistência a um caldo que ainda está ralo. Os peemedebistas baianos estarão com o PSDB, de Aécio Neves, e os de Pernambuco estão com Eduardo Campos. Se a esses grupos se somarem novas insatisfações, leia-se de atuais aliados do governo, como o Ceará e o Rio de Janeiro, o barulho da convenção pode dar dor de cabeça à presidente Dilma e ao seu vice, Michel Temer", aponta Denise.

Câmara determina afastamento de prefeito por 90 dias em Uraí

A Câmara Municipal de Uraí determinou o afastamento do prefeito Almir Fernandes de Oliveira (PPS), em sessão extraordinária realizada nessa quarta-feira (22). Quatro comissões processantes, duas delas abertas também durante esse expediente, correm no Legislativo para apurar denúncias.
Em novembro do ano passado, as duas primeiras comissões foram instauradas para investigar a acusação feita pelo ex-vereador Altair Murilho do acúmulo irregular de vencimentos pela servidora Rosana Rodrigues da Silva Reguin. Ela teria recebido o salário de professora enquanto exercia o cargo de secretária municipal de Educação e também era paga pelo cargo.
Câmara determina afastamento de prefeito por 90 dias em Uraí
Revelia
Prefeito é alvo de quatro comissões processantes
Já a denúncia de Carlos Renato Calovi dá conta que houve desvio de finalidade pela Associação de Proteção à Maternidade, Infância e Família de Uraí. Nessa quarta-feira, uma comissão foi aberta para apurar nova acusação de Murilho, agora sobre o excesso com gasto pessoal, em desconformidade com a Lei de Responsabilidade Fiscal. A segunda investiga um suposto pagamento irregular a um comissionado, informação dada por João Carlos Leite.
 Na manhã desta quinta-feira (23), o presidente da Câmara de Uraí, Claudinei dos Reis (Solidariedade), disse que o município passa por uma situação complicada. "Isso é um prejuízo para o município, isso não dá nenhum lucro. A Câmara está tomando as providências no sentido de averigurar os fatos elencados. Haja vista que ele é parte envolvida da denúncia, foi votado o afastamento", declarou.
O vice-prefeito Sérgio Henrique Pitão (PSC), ficará no comando da cidade nos próximos 90 dias, prazo do afastamento cautelar. A reportagem não conseguiu contato com Almir Fernandes de Oliveira.
O Diario

MDS e Fiocruz oferecem curso sobre educação alimentar e nutricional

O curso à distância Educação Alimentar e Nutricional no Contexto do Programa Bolsa Família, promovido pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), teve o prazo de inscrições prorrogado até 4 de fevereiro. 

São 2025 vagas ofertadas. Elas são destinadas às equipes formadas por gestores ou profissionais envolvidos direta ou indiretamente com o Programa Bolsa Família. É imprescindível que cada equipe seja formada por 1 (um) representante da Assistência Social, 1 (um) representante da Educação e 1 (um) representante da Saúde. Somente serão classificados os municípios em que os três gestores ou profissionais realizarem suas inscrições.

O edital foi ampliado a todos os municípios, priorizando-se 640 listados no anexo 3 do edital http://www.ead.fiocruz.br/editais/?id=1720, selecionados a partir de padrões de insegurança alimentar grave e alto percentual de acompanhamento das condicionalid ades de saúde do Programa Bolsa Família.

O curso acontecerá na modalidade à distância e terá 188 horas/aula. O início das aulas está previsto para o 1º Semestre de 2014. Tem previsão média de 06 (seis) meses de duração. Ao concluir o curso, o aluno deverá comprovar o grau de escolaridade. Para nível médio de ensino, haverá certificação em Desenvolvimento; para nível superior de ensino, haverá certificação em Aperfeiçoamento.

Fonte: Caisan Nacional

Homem é acusado de estupro após levar enteada e amiga dela a motel em Cianorte

Um homem de 31 anos foi preso por estupro de vulnerável após levar a enteada de 12 anos e uma amiga dela, de 11, a um motel de Cianorte (a 80 quilômetros de Maringá) na quarta-feira (22). Conforme a polícia, o detido as presenteou com sorvete, lingerie e viu filme pornográfico na presença das meninas.
De acordo com a Polícia Militar (PM), o caso foi denunciado por volta das 20h, pela mãe de uma das meninas e amásia do acusado. A mulher contou aos policiais que estava trabalhando quando L.R.B., de 31 anos, teria saído em um Chevrolet Vectra de cor azul por volta das 13h30, com a filha dela e a amiga da menina. A garota contou-lhe que o suspeito as levou a uma sorveteria e a uma livraria, e saiu para comprar um presente para cada uma. Ainda com as crianças, o homem foi ao Motel Romano, no km 2 da PR-082, e, já na suíte, tirou as roupas dele e entrou na banheira, pedindo para as meninas abrirem os presentes. As garotas ganharam roupas íntimas, que teriam se negado a usar. Os três apenas assistiram TV por cerca de 1h30.
Ao saírem, o suspeito disse à atendente do motel que voltaria posteriormente. De carro, foram até uma creche onde o homem disse que iria buscar o filho dele, local onde deixou as meninas e saiu em seguida.
A PM foi até o motel, onde encontrou o acusado, as roupas íntimas e uma pequena porção de maconha. Após receber voz prisão em flagrante pelos crimes de estupro de vulnerável e posse de entorpecente, foi conduzido à delegacia de Polícia Civil para as providências cabíveis.
O Diario

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Base do SAMU de São Sebastião da Amoreira será inaugurada

Na reunião do COMITÊ GESTOR do SAMU foi aprovado por unanimidade a instalação e inauguração da Base do SAMU de São Sebastião da Amoreira que será localizado na Rua: José dos Santos nº 162 para o dia 15 de fevereiro.





Blog Edimar Santos

Em acidente, carro passa por cima de avó e criança, que se levanta ilesa; assista o video


Gleisi se dedicará à pré-campanha ao Governo do Paraná

Antônio Cruz/ABr
Com a definição do substituto para a Casa Civil, a ministra Gleisi Hoffmann deve deixar o cargo no início de fevereiro e se dedicar aos preparativos da pré-campanha ao governo do Paraná. Para o lugar de Gleisi, a presidente Dilma indicou o atual ministro da Educação, Aloizio Mercadante, que ficará responsável por tocar os principais projetos do governo e realizar uma ponte do Executivo com os integrantes do Congresso. Logo no início do próximo mês, a ministra deve reassumir o mandato como senadora e passar a se dedicar ao debate das diretrizes que vão compor o programa eleitoral na disputa pelo governo do Paraná. 

Em conversa com o Broadcast Político, serviço em tempo real da Agência Estado, o presidente Estadual do PT no Paraná, Enio Verri, informou que nesta sexta-feira, 24, o partido deve definir o planejamento estratégico da campanha da ministra. "Foi encerrada a primeira etapa do programa de governo. Pretendemos rodar em todas as regiões com a Gleisi debatendo as propostas que estão sendo elaboradas com a população", afirmou Verri. "Ela deve se afastar oficialmente no dia 30 de janeiro. No início de março, após o carnaval, ela deve começar o rodízio por todo o Estado para fazer o debate", acrescentou. 

Além de Enio Verri, o vice-presidente da Câmara, André Vargas, também estará incumbido de negociar as alianças regionais que irão compor a chapa da ministra. Entre os partidos que já sinalizaram que irão fazer parte da coligação está o PCdoB e o PDT, que deve indicar na chapa para o senado o nome de Osmar Dias, atual vice-presidente de Agronegócios e Micro e Pequenas Empresas do Banco do Brasil. 

Também integram a equipe de campanha da ministra os deputados federais Angelo Vanhoni e Zeca Dirceu. O primeiro foi indicado para coordenar a elaboração do programa partidário e o segundo irá articular a campanha com os prefeitos do Estado. 

No encontro de sexta-feira, também deve ser batido o martelo quanto ao nome que ocupará a coordenação de Comunicação e Marketing de Gleisi. O mais cotado é o publicitário Oliveiros Marques, que vem acompanhando a ministra nos últimos anos e foi responsável pelas campanhas vitoriosas dos prefeitos Gustavo Fruet (Curitiba) e Luiz Marinho (São Bernardo do Campo).

Agência Estado

Unidade de São Jerônimo da Serra/PR reúne cooperados para realização de pré assembleia


A Unidade de Atendimento da Cresol Londrina em São Jerônimo da Serra, realiza sua primeira pré assembleia reunindo diretores e cooperados. A Cresol São Jerônimo da Serra está localizada no Território da Cidadania Norte Pioneiro do Paraná e foi inaugurada no último trimestre de 2013, ela faz parte do Projeto de Expansão do Cooperativismo Solidário Cresol/BNDES.  

“A Cresol em São Jerônimo da Serra é uma parceria com o BNDES, que prioriza as regiões de maior necessidade, como os Territórios, onde estão localizados os municípios com baixo índice de desenvolvimento humano, dando assim condições de organizar os agricultores e impulsionar o desenvolvimento, este é o nosso papel aqui em São Jerônimo”, lembra Felisberto Cabrera, Presidente da Cresol Londrina.  

A realização da pré assembleia da seqüência nas atividades de promover cada vez mais essa expansão do crédito e a aproximação de mais agricultores nesse processo, a Unidade de Atendimento reuniu na última semana os cooperados apresentando os avanços da unidade, e discutindo os próximos passos da Cooperativa Cresol na região.  

Na oportunidade estiveram presentes, o Presidente da Cresol Londrina, Felisberto Cabrera, Diretor Secretario e Diretor responsável pela Unidade em São Jeronimo, Sergio vanzo e o Diretor da Base Centro Oeste do Paraná, Osni Ramos, além dos cooperados e parceiros da Cresol na região.  

O Projeto  

O Objetivo é Promover a inclusão social e produtiva por intermédio da expansão do crédito e da poupança local, do cooperativismo e da realização de empreendimentos coletivos, para o combate a pobreza rural, destacadamente em Territórios da Cidadania. 

Os eixos de atuação estão focados no aumento das capacidades e oportunidades, com atuação no acesso ao crédito, inclusão produtiva, e interação solidária e a apropriação do conhecimento e, como contrapartida, assessoria administrativa e aplicação de recursos do Pronaf nestas áreas.  

As atividades tiveram início no primeiro trimestre de 2013 e tem duração prevista de três anos. 

Expansão 

A atuação das cooperativas do Sistema Cresol Baser nos mais de 19 anos de existência abrange aproximadamente 390 municípios nos estados de Paraná, Santa Catarina, Minas Gerais, Espírito Santo , Rondônia, São Paulo e Rio de Janeiro com expansão para outras regiões desses estados e para novas áreas como Goiás, e apoiando o estado do Amazonas, aproximando cada vez mais do agricultor familiar os serviços e as operações de crédito disponibilizadas pela Cresol, buscando a inclusão financeira e o desenvolvimento social em cada região.

Fonte: Cresol em 22/01/2014

Eleições 2012 em São Jerônimo da Serra, políticos são condenados por crime eleitoral, multados e ficam inelegíveis por 8 anos.

Eleições 2012 em São Jerônimo da Serra, políticos são condenados por crime eleitoral, multados e ficam inelegíveis por 8 anos.
Saiu no Diário Eletrônico da Justiça Eleitoral do Paraná a seguinte informação:

De acordo com o processo de numero 441-16.2012.6.16.0063. Em primeira Instância Justiça Eleitoral do Paraná condena políticos de São jerônimo da Serra pela pratica dos seguintes crimes:

Captação ilícita de sufrágio, Abuso de Poder Politico pela utilização Indevida de Veículos de comunicação e a punição é a seguinte:

multa no valor de 1.064,10, Inelegibilidade pelo prazo de 8 anos aos seguintes: Senhor Paulo Roberto Moreira, senhor João Luiz Perusso, Carlos Sutil, Jorge Sutil, Fernando José Perusso.


Fonte: Diário Eletrônico da Justiça Eleitoral do Paraná 
http://radioexpresso.net/

Hospital de Assaí segue com dificuldades

Enquanto o Ministério Público e a Polícia Civil seguem as investigações que apuram irregularidades no Hospital Municipal de Assaí, a Prefeitura se prepara para assumir a administração da unidade. Desde agosto do ano passado, com a medida judicial que afastou o Instituto Pró-Vida, o hospital foi municipalizado, mas os serviços foram terceirizados, em contrato emergencial para a empresa Atual Médica Gestão de Saúde, de Quitandinha (PR). 

No mês que vem, com o vencimento do contrato de seis meses, a prefeitura ficará responsável pela contratação dos médicos e administração geral. Apenas os serviços de recepção, limpeza e cozinha serão terceirizados. Com esta medida, o prefeito Luiz Alberto Vicente (PSDB) pretende economizar pelo menos 60% do atual R$ 1,2 milhão do contrato. "Será um economia importante para os cofres públicos", destacou o prefeito. 

Os reflexos da transição turbulenta ainda são sentidos no hospital, administrado com dificuldades. Vicente reconhece que a saúde ainda está muito abaixo do ideal, mas adiantou que montou uma equipe para melhorar o atendimento nos próximos meses. "Pegamos o hospital em uma situação deplorável, sem nenhum funcionário. Quem entrou não tinha a experiência necessária. Foi como consertar um avião no ar, mas, aos poucos, vamos colocando a casa em dia". 

O prefeito informou que todos os repasses federais e estaduais entram na conta da prefeitura, diferente da gestão anterior que, segundo o prefeito, era depositado na conta do Pró-Vida. Segundo a assessoria da promotora de Justiça Ana Maria de Oliveira Santos, dois procedimentos de investigação propostos pelo município correm na 1ª Promotoria de Justiça de Assaí para investigar indícios de fraudes no repasse das Autorizações de Internações Hospitalares (AIH). 

Em setembro, o prefeito exonerou o secretário de Saúde, Jorge Junior Torquato, que vinha no cargo desde a gestão anterior, após recomendação do MP. A denúncia apontava a constituição de uma empresa de fachada para contratação com o Hospital Municipal, terceirizado para o Pró-Vida, de máquina de raio-X supostamente de propriedade do então secretário municipal. Torquato, que é vereador em Assaí, se diz inocente da acusação. 

O advogado de Torquato, Dely Dias, defendeu que pode ter ocorrido um erro de o aparelho de raio-X do cliente ter sido colocado no hospital, mas negou que Torquato tenha tirado vantagens econômicas do caso. "A empresa nunca foi de fachada e os preços praticados eram dentro da realidade do mercado", apontou. O advogado relatou que o aparelho foi incluído na lista de bens do Pró-Vida e continua retido no hospital. "O aparelho pertence à empresa Radmed, da cunhada de meu cliente. Após provarmos a inocência dele, faremos a requisição judicial do aparelho". 

O inquérito policial que investiga irregularidades no hospital segue aberto na 34ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Assaí, sem previsão de ser concluído. A polícia aguarda o resultado de uma auditoria nas contas do hospital feita pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) de Curitiba.
Celso Felizardo
Reportagem Local FolhaWeb

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Mãe é ferida com facada ao tentar separar briga de filhos

Uma mulher foi ferida com um golpe de faca ao tentar separar uma briga entre os filhos de 15 e 18 anos no fim da manhã de segunda-feira (20) em Jandaia do Sul (a 41 quilômetros de Maringá).
De acordo com a Polícia Militar (PM), o caso foi registrado por volta das 11h30, na Rua Professora Zilda Cruz Almeida. O motivo do desentendimento seria que o rapaz de 18 anos havia penhorado um celular em troca de pedras de crack, e o adolescente pagou a dívida para reaver o aparelho. Com uma faca, o garoto de 15 anos começou a brigar com o irmão e, ao tentar separá-los, a mulher sofreu um corte profundo na mão esquerda.
A vítima foi socorrida ao Pronto Atendimento Municipal (PAM) para atendimento médico. Já os dois envolvidos foram encaminhados à Polícia Civil para as providências cabíveis.
O Diario

Carteiros de Santo Antônio da Platina entram em greve


Os carteiros de Santo Antônio da Platina entraram em greve na manhã desta terça-feira (21). Os 15 profissionais da cidade fecharam a entrada do prédio dos Correios, localizado na Rua Marechal Deodoro, e exibiram faixas e cartazes. Eles pedem melhores condições de trabalho e reformas na sede. 

O imóvel atual é considerado pequeno, sem ventilação e não conta com um elevador para transferir caixas grandes e pesadas para o lance superior do edifício, onde fica o departamento de distribuição. 

Em entrevista ao Tá no site, o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Comunicações Postais do Paraná (Sintcom-PR) André Ricardo informou que uma nova sede já foi construída, mas a direção dos Correios se recusa a fazer a mudança porque o prédio ficou 150 metros quadrados maior do que o esperado. 

O sindicato vai aguardar por dois dias uma resposta da empresa. A greve não tem data para terminar. 

(com informações do Tá no Site)

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Garoto de 14 anos ataca a mãe a chutes e socos em Rolândia

Um garoto de 14 anos agrediu a mãe nessa quinta-feira (16), na Jardim Itália, em Rolândia. Com diversos antecedentes por tráfico de drogas e lesão corporal, ele fugiu do local antes da Polícia Militar chegar para evitar uma nova apreensão em flagrante.
A mulher de 31 anos pediu socorro depois de receber diversos socos e chutes na casa onde mora com a família, na Rua Turim. A mulher contou que o garoto desferiu os golpes e também lançou objetos contra ela, bastante violento.
Segundo informações da Polícia Militar, o adolescente não foi encontrado e a vítima foi orientada sobre quais providências deveria tomar.

Avô é acusado de estuprar neta de três ano

Uma criança de três anos foi trazida da cidade de Cafelândia (PR) nesta manhã para passar por exames no IML (Instituto Médico Legal) de Cascavel. 

A menina teria sido molestada pelo avô e contou o que aconteceu para a mãe.

O médico legista Miguel Farah Filho examinou a criança e fala que não foi constatada penetração.

O delegado adjunto da 15ª SDP (Subdivisão Policial), Pedro Fernandes de Oliveira, ressalta que o caso já está sendo investigado e que o avô deverá responder por estupro de vulnerável.

Mesmo não havendo penetração, o caso é tratado como estupro e outros profissionais da área de saúde devem avaliar a criança.

CGN

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

TJ-PR abre concurso para outorga das Delegações Notariais e Registrais

O Tribunal de Justiça do Paraná (TJ – PR) está com inscrições abertas para o concurso público nº. 1/2014, destinado à Outorga das Delegações Notariais e Registrais, em ambos critérios de ingresso na titularidade de serviço (provimento e remoção).
Para concorrer às vagas para provimento, os candidatos devem atender alguns requisitos como: ter exercício pleno de direitos civis e políticos; quitação com as obrigações do serviço militar, se do sexo masculino; inexistência de antecedentes criminais ou civis incompatíveis com a outorga da Delegação; e certificado de conclusão do curso de bacharelado em Direito. Já para remoção é necessário apresentar uma certidão de que cumpre o requisito previsto no artigo 17 da Lei Federal n0 8.935/94 e de que exerce a titularidade de delegação no Estado do Paraná há pelo menos dois anos.
As oportunidades estão distribuídas entre as Comarcas de Alto Paraná, Alto Piquiri, Altônia, Ampere, Andira, Antonina, Apucarana, Arapongas, Assai, Assis Chateaubriand, Astorga, Bandeirantes, Barbosa Ferraz, Barracão, Bela Vista do Paraíso, Bocaiuva do Sul, Cambé, Campina da Lagoa, Campina Grande do Sul, Campo Largo, Campo Mourão, Capanema, Capitão Leônidas Marques, Carlópolis, Cascavel, Catanduvas, Centenário do Sul, Cerro Azul, Chopinzinho, Cianorte, Clevelândia, Colombo, Colorado, Congonhinhas, Corbélia, Cornélio Procópio, Cruzeiro do Oeste, Curitiba, Curiúva, Dois Vizinhos, Faxinal, Fazenda Rio Grande, Formosa do Oeste, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Goioerê, Grandes Rios, Guaíra, Guaraniaçu, Guarapuava, Guaratuba, Ibiporã, Icaraíma, Imbituva, Iporá, Irati, Ivaiporã, Jacarezinho, Jaguapitã, Jaguariaíva, Jandaia do Sul, Joaquim Távora, Lapa, Laranjeiras do Sul, Loanda, Londrina, Mandaguaçu, Mangueirinha, Marechal Cândido Rondon, Marialva, Maringá, Marmeleiro, Matelândia, Medianeira, Nova Esperança, Nova Londrina, Ortigueira, Palmas, Palmeira, Palmital, Paraíso do Norte, Paranacity, Paranaguá, Paranavaí, Pato Branco, Peabiru, Perola, Pinhais, Pinhão, Pirai do Sul, Piraquara, Pitanga, Platina, Ponta Grossa, Pontal do Parana, Porecatu, Prudentópolis, Quedas do Iguaçu, Realeza, Ribeirão Claro, Ribeirão do Pinhal, Rio Branco do Sul, Rio Negro, Rolândia, Santa Fé, Santa Izabel do Ivaí, Santa Mariana, Santo Antônio da Platina, Santo Antônio do, Sudoeste, São Jeronimo da Serra, São João, São João do Ivaí, São José dos Pinhais, São Mateus do Sul, Sarandi, Sengés, Telêmaco Borba, Terra Boa, Terra Rica, Terra Roxa, Tibagi, Toledo, Tomazina, Umuarama, União da Vitoria, Uraí, Wenceslau Braz e Xambrê.
As inscrições serão efetuadas no período de 20 de janeiro de 2014 até às 23h59 do dia 18 de fevereiro de 2014, pelo site www.tjpr.jus.br/concursos ou www.ibfc.org.br, mediante preenchimento da ficha de inscrição pagamento da taxa de R$ 200,00.
Organizado pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação, o concurso constará de provas objetiva, escrita, oral e exame de títulos. A previsão é de que as provas sejam aplicadas no dia 30 de março de 2014, em locais e horários a serem definidos e divulgados posteriormente.

Garoto arrisca a vida para retirar bola presa no teto de quadra


O fato aconteceu nesta terça-feira, por volta das 11h30, quando o garoto Alessandro Lima, de 13 anos, arriscou sua própria vida ao subir as vigas de ferro que dão sustentação ao teto da quadra poliesportiva do Colégio Estadual David Carneiro, para recuperar uma bola de futsal que estava presa no teto de aproximadamente 20 metros de altura.
Alessandro escalou a estrutura de ferro para buscar a bola presa no teto, mas não conseguiu retornar. As crianças que estavam acompanhando o garoto saíram logo em seguida, e pediram ajuda ao primeiro adulto que viram pela rua, que solicitou a presença do Corpo de Bombeiros de Santo Antônio da Platina.
Os soldados do Corpo de Bombeiros chegaram por volta das 11h50, e iniciaram a operação de resgate do menino. Na primeira tentativa, o bombeiro realizou a subida, efetuando o mesmo trajeto do garoto com o apoio dos equipamentos de segurança, mas não foi possível a chegada à criança.  Foi preciso então buscar outros utilitários de subida por meio de uma escada maior e equipamento de rapel, na unidade de Santo Antônio da Platina. Com o passar do tempo, a criança foi ficando muito cansada e estressada, e pedia para descer sozinha, declarando que já tinha realizado a subida outras vezes. Por volta das 13h30, Rosana de Lima, mãe do garoto, chegou desesperada ao local e logo foi amparada pelos amigos. Vários populares e curiosos se aglomeraram, para acompanhar o salvamento.
A segunda tentativa de salvamento foi um sucesso. O bombeiro Souza subiu por uma escada de aproximadamente 18 metros, prendendo-se ao teto e depois instalou todo o equipamento de segurança no garoto Alessandro. Após a colocação das cordas, bombeiro e criança desceram por meio de rapel com total segurança e experiência.
Ao chegar ao solo, Alessandro correu para os braços da mãe e saíram em disparada para fora do colégio. O garoto passa bem e não sofreu ferimentos. Apenas um susto grande.
Segundo populares, as crianças costumam brincar na quadra do colégio, mesmo com os portões fechados por ocasião das férias. “Eles pulam o muro da escola e ficam chutando bola na quadra, não tem supervisão porque na tem ninguém aqui”, comentou um cidadão.

POR JRDIARIO – WALTINHO CHIUSOLI

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Prefeito de Rolândia pode ser cassado na próxima semana

A Comissão Processante (CP) aberta na Câmara de Rolândia para investigar irregularidades em um convênio firmado entre prefeitura e Hospital São Rafael pretende finalizar os trabalhos na próxima semana. "Vamos concluir o relatório final e levá-lo para que o documento seja apreciado e votado em plenário", contou o presidente da CP, vereador José de Paula Martins (PSD). A comissão pode pedir a cassação do prefeito de Rolândia, Johnny Lehmann (PTB). A sessão de julgamento foi marcada para a sexta-feira da próxima semana, dia 24 de janeiro. 

Lehmann só será cassado se seis dos dez vereadores rolandenses votarem a favor do pedido. 

A Comissão Processante investiga suposto repasse irregular, de R$ 30 milhões, feito pela prefeitura para a associação mantenedora do Hospital São Rafael. De acordo com as investigações, a instituição teria se utilizado da verba para fazer a contratação direta de funcionários. "Os servidores deveriam ter sido contratados através de concurso público", rebateu Martins. 

Lehmann foi ouvido pela CP na segunda-feira (13). Ele negou as acusações e garantiu que o convênio é legal. 

José de Paula Martins lembrou que os trabalhos da CP têm, como base, investigações já realizadas na Câmara por uma Comissão Especial de Inquérito (CEI). "Vamos esperar a defesa do prefeito, que tem cinco dias para apresentá-la, e ouvir os vereadores integrantes da outra comissão. Temos o objetivo de analisar todos os depoimentos e documentos até o início da próxima semana", destacou o vereador.
Guilherme Batista - Redação Bonde

Universidade Estadual de Londrina (UEL) divulga segunda convocação do vestibular

A Universidade Estadual de Londrina (UEL) divulgou às 12h desta terça-feira (14) a lista de aprovados na segunda convocação do vestibular 2014. Os nomes podem ser conferidos através da página da Coordenadoria de Processos Seletivos (Cops).
Os convocados têm até esta quarta-feira (15) para fazer a pré-matrícula no Portal do Estudante  e garantir sua vaga no ano letivo, que começa no dia 3 de fevereiro. Depois devem enviar seus documentos pessoais para a Pró-Reitoria de Graduação até a quinta-feira (16).
A primeira convocação do vestibular foi divulgada na última quinta-feira (9) e a terceira sairá ainda esta semana, na sexta-feira (17), também às 17h.
O Diario

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Descubra quais são as cinco frases femininas que mais irritam os homens

Se você é mulher já sabe: é muito fácil ficar irritada com algumas manias e frases tipicamente masculinas usadas pelo seu parceiro. Pois saiba que esses papéis também se invertem. Assim como você se incomoda, ele também pode perder a paciência com algumas de suas atitudes. O site Dicas de Mulher foi a campo para saber quais são as frases ditas por elas que mais irritam seus companheiros. Anote e tente não usá-las! 

1 – "Estou quase pronta, só falta a maquiagem" 

Essa frase possui algumas variações, como "só falta escolher o sapato", "só falta colocar os brincos" ou "só falta passar o vestido". Para eles a afirmação é irritante porque, na verdade, a mulher diz que está quase pronta, mas não está. Para evitar a situação eles sugerem que a mulher seja sincera e admita que está atrasada. 

2 – "Precisamos conversar, não acha?" 

Acredite, ele não acha. Discutir a relação é um hábito, em geral, defendido pelas mulheres e odiado pelos homens. Se para elas é importante falar sobre um problema ou desentendimento e resolver as coisas de uma vez por todas, para eles essa pergunta desencadeia uma longa conversa desnecessária. Muitos homens preferem substituir a conversa por um porre ou por uma noite de amor, para fazer as pazes. 

3 – "Nada" 

Quase toda mulher já usou essa. Trata-se de uma saída (mentirosa) pela tangente, para não ter que admitir que algo está terrivelmente errado. Seu parceiro pergunta: "o que aconteceu?" – e você, sem pensar duas vezes, responde: "nada". Pronto. Isso já é suficiente para que ele saia do sério. E sabe porque? Porque, embora para você o motivo da mágoa pareça óbvio, para ele é na verdade um mistério. Se ele está perguntando é porque, realmente, não sabe ou tem dúvidas sobre o que houve. 

4 – "Você não acha que eu estou gorda?" 

Para eles isso é uma verdadeira tortura. Quando uma mulher faz essa pergunta, muitas vezes ela quer apenas ouvir um elogio. Acontece que homens são práticos – e sinceros -, e há uma grande chance de que o rapaz responda o que realmente pensa a respeito do seu peso. Portanto, se você não está disposta a encarar a opinião do seu amado sobre sua barriguinha indesejável, não pergunte. 

5 – "Faça o que você quiser" 

Outro método de tortura amplamente utilizado pelas mulheres, essa afirmação quase generosa esconde perigos incalculáveis para os homens. Eles sabem, ao ouvir isso, que não devem fazer o que querem, de fato, ou sua integridade poderá estar seriamente comprometida. Essa pressão psicológica já está manjada e poderia ser saudavelmente evitada, caso você se dispusesse a realmente dividir com seu parceiro sua opinião sobre as atitudes dele. 
(Fonte: Dicas de Mulher)