Pesquisar

domingo, 13 de janeiro de 2013

Perseguição politica - O resgate da ditadura.


Embora a ditadura tenha sido abolida a mais de 20 anos, para alguns políticos brasileiros ela parece que nunca esteve tão em evidência, principalmente agora com a posse dos novos prefeitos.


Mas o que mais me chama atenção é que na maioria dos casos não são os prefeitos que estão preocupados em perseguir  funcionários que não foram seuseleitores, mas uma meia dúzia de vereadores e um batalhão de puxa-sacos que vira e mexe ficam no pé do prefeito cobrando: Prefeito! fulano de tal que trabalha em canto tal não votou no senhor, porque não transfere ele pra ver se assim ele aprender?


O pior que além do puxa-saco tem     vereador que ao invés de honrar o mandato que o povo lhe confiou fica nas esquinas conversando com os baba-ovo sobre quem votou e quem não votou no seu prefeito.


É bom que tanto os cidadãos quanto os “políticos perseguidores” saibam queperseguição política é crime, que pode entre outras coisas constituir ato de   improbidade administrativa, desvio de finalidade, ferindo, portanto, os princípios da legalidade, moralidade e impessoalidade.


Portanto! Se você é servidor público e está se sentindo ameaçado por algum"discípulo de Hitler" procure o Ministério Público, o qual se achar necessário abrirá um inquérito e configurando o caso de perseguição, oferecerá uma ação ao juiz da comarca contra o perseguidor.

Por: Marcio Martins
http://marciomartins2011.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia