Pesquisar

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Sexo entre dois homens acaba em facadas no Jardim Alvorada, em Maringá

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar uma tentativa de homicídio após uma relação sexual entre dois homens no início da tarde desta segunda-feira (30), em Maringá. A vítima diz ter sido esfaqueada ao cobrar o pagamento pelo suposto programa, enquanto o agressor alega ter reagido a uma tentativa de roubo.
A vítima de 32 anos contou à polícia que acompanhou o florista de 25 anos até a sua residência, no Jardim Alvorada, para receber pelo programa sexual, consumado em um barracão próximo à igreja do bairro. Porém, ao chegarem na casa, o suposto contratante teria se recusado a fazer o pagamento, fato que deu início a uma discussão. Irado, a vítima relatou que tentou agredir o florista, mas acabou golpeado com sete facadas. Ele foi socorrido por uma equipe do Siate com ferimentos na cabeça e levado ao Hospita Universitário (HU).
Preso em flagrante, o agressor apresentou outra versão à polícia para o crime. Ele confirmou que manteve relações sexuais com a vítima em um barracão, mas disse que os dois seguiram juntos até sua casa a pedido do homem com a desculpa de beber um copo d'água. Quando os dois chegaram ao local, a vítima teria exigido que o florista entregasse as joias de sua mãe, fato que levou o rapaz a se armar com uma faca de cozinha e golpeá-lo.
O Diario

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia