Pesquisar

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Duas chapas disputam direção da Amunop

Cornélio Procópio - Duas chapas disputam a direção da Associação dos Municípios do Norte do Paraná (Amunop), composta por 20 municípios, entre eles Cornélio Procópio, Assaí e Bandeirantes. A eleição acontece amanhã, a partir das 9h, na sede da entidade, em Cornélio Procópio. 

A eleição dividiu a Amunop. A causa seria o apoio prestado à campanha do governador Beto Richa (PSDB) este ano. Uma das chapas é encabeçada pelo atual presidente, o prefeito de Bandeirantes Celso Silva (PDT), que tem como vice o prefeito de Cornélio Procópio Fred Alves (PSC). Celso foi um dos principais cabos eleitorais de Roberto Requião (PMDB) na região. 

A segunda chapa é liderada pelo prefeito de Assaí, Luiz Alberto Vicente (PSDB), o Mestiço, e tem como vice a prefeita de Leópolis, Clea Marcia Bernardes de Oliveira (PDT). 

Celso acredita que seu apoio a Requião não será um problema. "Já recebi o apoio de muitos prefeitos da região. Tenho uma relação de respeito com o governador, não há problemas. Acredito que o principal é manter a unidade e lutar por bandeiras que ajudem toda a região, como a consolidação do hospital regional e a vinda do curso de Medicina para Cornélio Procópio e de engenharias para Bandeirantes", frisa. 

A reportagem tentou contato com Mestiço, mas ele não foi localizado. 

CISNOP 

Também nesta quinta-feira acontece a eleição para a direção do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Norte do Paraná (Cisnop). Três nomes disputam a direção, um deles é o atual presidente, o prefeito de Congonhinhas, José Olegário (PSDB), os outros são Devanir Martinelli (PV), de Santo Antônio do Paraíso, e Alexandre Basso (PSDB), de Nova América da Colina.
Rubia Pimenta
Especial para a FOLHA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia