Pesquisar

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Em São Jerônimo da Serra, vizinho dá conselho a casal durante briga e é esfaqueado

Um homem foi esfaqueado pelo vizinho ao tentar conciliar uma briga entre um casal, por volta das 20h desta terça-feira (28), em São Jerônimo da Serra (78 km de Londrina). A vítima foi levada até o pronto-socorro da cidade para receber atendimento médico e passa bem.
Um casal estava discutindo dentro de uma residência na Rua Vereador Ismael Ferreira da Costa. De acordo com dados da Polícia Militar, o vizinho entrou na casa para tentar conciliar os parceiros, mas não teve sucesso. Pelo contrário. Nervoso, o homem envolvido na briga pegou uma faca e desferiu um golpe na mão da vítima.
Amigos levaram o ferido até o pronto-socorro, onde ele precisou ganhar pontos para fechar o corte aberto pela facada. A Polícia Militar deteve o acusado de cometer o crime de lesão corporal, mas na Delegacia de Polícia Civil o vizinho abriu mão da queixa e todos foram liberados.
Os nomes dos envolvidos não foram revelados pela polícia.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Piso nacional dos professores de 2012 é definido em R$ 1.451.

O Ministério da Educação (MEC) definiu em R$ 1.451 o valor do piso nacional do magistério para 2012, um aumento de 22,22% em relação a 2011. Conforme determina a lei que criou o piso, o reajuste foi calculado com base no crescimento do valor mínimo por aluno do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) no mesmo período.
A Lei do Piso determina que nenhum professor pode receber menos do que o valor determinado por uma jornada de 40 horas semanais. Questionada na Justiça por governadores, a legislação foi confirmada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no ano passado.
Entes federados argumentam que não têm recursos para pagar o valor estipulado pela lei. O dispositivo prevê que a União complemente o pagamento nesses casos, mas, desde 2008, nenhum estado ou município recebeu os recursos porque, segundo o MEC, não conseguiu comprovar a falta de verbas para esse fim.
Em 2011, o piso foi R$1.187 e em 2010, R$ 1.024. Em 2009, primeiro ano da vigência da lei, o piso era R$ 950. Alguns governos estaduais e municipais criticam o critério de reajuste e defendem que o valor deveria ser corrigido pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), como ocorre com outras carreiras.
Na Câmara dos Deputados, tramita um projeto de lei que pretende alterar o parâmetro de correção do piso para a variação da inflação. A proposta não prosperou no Senado, mas na Câmara recebeu parecer positivo da Comissão de Finanças e Tributação. A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) prepara uma paralisação nacional dos professores para os dias 14,15 e 16 de março com o objetivo de cobrar o cumprimento da Lei do Piso. As informações são da Agência Brasil.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Campeonato Municipal de Futebol de Campo de São Jerônimo da Serra

Nesta quarta feira (22) nas dependencias do Ginásio de Esportes de São Jerônimo da Serra, teve a reunião com os diretores das equipes que irão participar do Campeonato Municipal de Futebol de Campo, onde foram discutidas algumas regras para dar inicio a competição.
Onde a Comissão Organizadora e dirigetes de equipes caolocaram algumas questões em votação entre os participantes,como por exemplo uma multa de R$ 300,00 (trezentos reais) para a equipe que der WO ou seja, não comparecer ao jogo na hora e data marcada paga esse valor, e se houver outra desisitência sem justificativa essa equipe será eliminada do campeonato, também foram discutidos assuntos sobre inscrição de jogadores de fora do município, eliminação de jogador violento, arbritagem entre outros detalhes. A principio serão inscritas 16 equipes, como São João do Pinhal, Império Verde, Indianos, Barão, Portelinha, Chapa Coco, Vila Nova, Assentamento Paulo Freire entre outras equipes. Mas o que se sabe é que a provavél dada para inicício do Campeonato será provavelmente no dia 11 de março de 2011.

Edimar Santos pode ser candidato à Prefeito de Curiuva

Prefeito de Santa Cecília do Pavão, Edimar Santos, afirma que pode ser candidato a prefeito de Curiúva.
O empresário Edimar Santos, prefeito no segundo mandato de Santa Cecília do Pavão, há tempos vem mostrando um grande interesse, tanto comercial quanto político, em Curiúva.
O interesse comercial é justificável, já que o Grupo Santos está presente em diversas cidades do Paraná, tanto no ramo de plano funerário quanto de comunicação. Mas a sua presença constante em Curiúva fez com que seu nome fosse ventilado como provável candidato a prefeito em Curiúva nas próximas eleições.
Porém Edimar Santos foi categórico: se disputar eleição em Curiúva será pelo PTB do Deputado Federal Alex Canziani e do Deputado Estadual Fabio Camargo. "Tenho que conversar com o diretório e filiados do PTB em Curiúva, preciso do apoio deles”, comentou Edimar. Isso deve gerar um imbrólio na sigla no município, visto que o PTB faz oposição ferrenha ao prefeito Marcio Mainardes, do qual Edimar tem boa relação e foi parceiro nas últimas eleições estaduais.
Com a afirmação do empresário, outras lideranças políticas devem começar a se movimentar, já que qualquer pessoa que deseje participar da eleição deve estar filiado num partido. Como tanto a situação quanto a oposição se dividiram nas últimas eleições para deputado, ainda é incerto quem será apoiado pelo atual prefeito e quem será contra, ou até mesmo que surja uma terceira via. Marcelo Proença, Toninho Soseda, Amadeu Bicudo, Dirceu Bucco, Tobias, Arnaldo, Luizinho da Luper e, recentemente, o empresário Nato, são nomes que sempre são citados como prováveis candidatos. E não é de se duvidar que políticos de forças opostas se unam para alcançar seus objetivos.