Pesquisar

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Vereador trai seu o partido e pode ser cassado

PSB encabeça chapa a Câmara de Vereadores, mas Valdir se alia a adversários

A eleição para escolha dos membros da mesa diretora da Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Platina, que indicava ocorrer em clima de tranquilidade, já que a oposição elegeu a maioria dos nove membros da casa, está transcorrendo sob forte tensão porque o vereador Valdir Domingos de Sousa (PSB), mais conhecido por Valdir do Foto, fechou um acordo com Santinho Furtado (PMDB), passando a integrar a chapa adversária de seu próprio partido.
O caso ganhou repercussão estadual, a ponto de chamar atenção do presidente regional da sigla, Severino Felix, que em conversa mantida no início da noite desta segunda-feira (31) com Chico da Princesa, manifestou apoio a chapa do PSB encabeçada pelo vereador eleito José Jaime Paula da Silva, o Mineiro, advertindo que a agremiação não vai tolerar a traição do vereador Valdir do Foto, assinalando que o partido vai pedir sua cassação por infidelidade partidária.
“É inadmissível que nosso partido tenha um candidato, liderando uma chapa formada por vereadores dos partidos que compuseram nossa coligação em Santo Antonio da Platina e um membro da nossa agremiação, numa atitude de menosprezo a nossa sigla, faz um acerto com nossos adversários, numa demonstração de infidelidade partidária inadmissível na nossa legislação que trata da organização dos partidos”, assinalou Severino na conversa que manteve com Chico da Princesa.
Eleição
A eleição da câmara platinense acontece a partir das 10 horas da manhã desta terça-feira, primeiro dia do ano. O ato ocorre após a posse do prefeito eleito, Pedro Claro de Oliveira Neto (DEM) e do vice, Jorge Cendon Garrido (PMDB) e dos nove componentes da câmara municipal. Após a solenidade, acontece a eleição para escolha dos quatro membros da mesa diretora, composta de presidente, vice-presidente, primeiro e segundo secretários.
Na polemica envolvendo o vereador Valdir do Foto, a Comissão Provisória do PSB deve se reunir e deliberar sobre o fechamento de quentão envolvendo a eleição da mesa. Com o registro em ata, a sorte do vereador está selada, pois, pela legislação eleitoral, a posse do mandato pertence ao partido. Esta tem sido a tese que vem promovendo cassações de mandato Brasil afora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia