Pesquisar

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

RICHA TORRA R$ 300 MILHÕES EM PROPAGANDA, MAS SUSPENDE O LEITE DAS CRIANÇAS EM REGIÃO POBRE DO PR

Beto Richa paga adiantado R$ 300 mi a seis agências que fazem a propaganda do governo, mas deixa faltar dinheiro para o sagrado leite das criancinhas pobres da região do Alto Ribeira; pequenos produtores, da agricultura familiar, reclamam de calote desde julho. Que fazer?

Beto Richa paga adiantado R$ 300 mi a seis agências que fazem a propaganda do governo, mas deixa faltar dinheiro para o sagrado leite das criancinhas pobres da região do Alto Ribeira; pequenos produtores, da agricultura familiar, reclamam de calote desde julho. Que fazer?

Dois fatos inusitados no governo Beto Richa (PSDB), no Paraná, causaram-nos perplexidade nesta sexta-feira 13:

1) Em dezembro próximo o tucano será agraciado pelo Sinapro (Sindicato das Empresas de Propaganda do Paraná) com o prêmio “Semeador da Propaganda 2013″, depois de promover uma farra publicitária com R$ 300 milhões distribuídos em um ano às seis agências que atende o governo; e


2) Por falta de pagamento aos produtores, está faltando o leite para as crianças na região do Alto do Ribeira — uma das mais pobres do Paraná.
Os pequenos agricultores familiares deixaram de receber pelo leite fornecido ao Programa Leite das Crianças (PLC), por isso algumas cooperativas tiveram que suspender o fornecimento do produto nas escolas da rede pública.

A seguir, eu publico cópia de e-mails trocados entre a Associação de Produtores de Leite do Alto Ribeira e a coordenadora da Área Norte da Secretaria de Estado da Educação (SEED), Vilma Barros, que informa a suspensão da entrega do leite para as crianças nos municípios de Colombo e Bocaiúva do Sul e racionamento em Itaperuçu e Rio Branco do Sul.


BLOG DO ESMAEL DE MORAIS
Tribuna de Amoreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia