Pesquisar

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Vereadores de Nova Londrina são presos acusados de compra de votos

Dois vereadores de Nova Londrina (a 141 quilômetros de Maringá) foram detidos acusados de compra de votos no fim da tarde de quarta-feira (1º).
Segundo a Polícia Militar (PM), o caso foi registrado por volta das 17h45, por meio de solicitação do promotor de Justiça da Comarca, que relatou que havia recebido uma denúncia de compra de votos. Juntamente com um policial civil, o grupo foi até a Rua Pastor Raimundo de Oliveira, no Centro, onde se encontravam os suspeitos. No local foram abordados dois homens, ambos vereadores de Nova Londrina – nomes não divulgados – e, após a revista pessoal, foi revistado o interior de um veículo Fiat/Uno/Mille, de cor prata, ano 2008.
No carro, havia vários tickets de combustível de postos de combustíveis da cidade, recibos de diárias, agenda com nomes e quantidade de litros de combustível, aproximadamente R$ 820 em dinheiro, além de diversos materiais de candidatos a deputado estadual e federal, senador e governador.
O promotor deu voz de prisão aos dois vereadores, e a ocorrência foi encaminhada à delegacia de Nova Londrina para as demais providências.
Larissa Ayumi Sato - O Diario

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre essa notícia